A mais incrível história do mundo

Por: Beatriz Sertório a 2021-07-13 // Coordenação Editorial: Marisa Sousa

20%

A Origem das Espécies de Charles Darwin
15,50€ 12,40€
PORTES GRÁTIS

10%

Incrível Evolução
16,59€ 14,93€
PORTES GRÁTIS

10%

Quando as Baleias Caminhavam
12,90€
10% CARTÃO LEITOR BERTRAND
PORTES GRÁTIS

A história da vida começou há cerca de 3,5 mil milhões de anos, quando o planeta Terra se tornou suficientemente fresco e estável para a sustentar. Desde então, as plantas, os animais e os micro-organismos que protagonizam esta história têm vindo a mudar lentamente, através de um processo chamado evolução. Partilhamos contigo algumas das curiosidades mais interessantes sobre este fenómeno.


A ÁRVORE DA VIDA

Foi o cientista britânico Charles Darwin que imaginou a evolução como uma grande árvore, com diversas linhagens a ramificarem-se em diferentes direções. Partilhou a sua teoria revolucionária no livro A Origem das Espécies, publicado em 1859.

 

OS SERES HUMANOS, ARQUITETOS DA NATUREZA

Embora as espécies evoluam naturalmente, de modo a adaptarem-se melhor ao contexto em que vivem e, assim, melhorarem as suas hipóteses de sobrevivência, algumas transformações que ocorrem na natureza têm influência dos humanos. Os nossos animais de estimação, os animais criados pelos agricultores ou até as flores que plantamos no nosso jardim podem ter uma aparência muito diferente da dos seus antepassados selvagens. Isto acontece porque os humanos que as criam fazem escolhas em função dos seus tamanhos, formas, cores e capacidades e reproduzem apenas aquelas com as características que consideram mais favoráveis. Ao longo de muito tempo, as espécies transformam-se de modo a produzir apenas espécimes com essas características e, por isso, com mais probabilidades de sobreviver.

 

 

O MELHOR AMIGO DO HOMEM… O LOBO?
Um dos exemplos mais fascinantes da intervenção do Homem na natureza é a evolução do nosso melhor amigo de quatro patas, o cão. Embora atualmente existam mais de 340 raças de cães, todas elas tiveram origem, há muito tempo, no mesmo tipo de lobo selvagem. Isto não te faz olhar para um pequeno (e feroz) Chihuahua de outra forma?


QUANDO AS BALEIAS CAMINHAVAM…


Algumas espécies sofreram transformações tão profundas ao longo do tempo, que até mudaram de habitat. É o exemplo das baleias, que evoluíram a partir de um animal terrestre, do tamanho de um gato, que surgiu há cerca de 50 milhões de anos: o Indohyus. Enquanto este usava a água apenas para escapar aos predadores e procurar comida nas margens dos rios, os seus sucessores foram encontrando cada vez mais conforto e prosperidade dentro de água, ao ponto de já não precisarem mais de subir à terra.

Com o tempo, os membros que sustentavam o seu peso à superfície transformaram-se em barbatanas. No entanto, as baleias, como as conhecemos hoje, continuam a ter os ossos das patas posteriores que tiveram em tempos, da mesma forma que nós, humanos, continuamos a ter vestígios das caudas que tiveram os nossos antecessores.

 


ESPÉCIES EXTINTAS… E BIZARRAS

 

 

Ainda hoje, todas as espécies do nosso planeta continuam em processo de evolução. Por isso, no futuro, poderão ter aparências muito diferentes das que conhecemos hoje. Imagina uma espécie (planta ou animal) do futuro. Será que vai ter de arranjar novas formas de se adaptar às temperaturas cada vez mais quentes do nosso planeta? Terá de desenvolver melhores mecanismos de sobrevivência para escapar a predadores? E nós? Continuaremos iguais daqui a milhares de anos?

 


Já participaste no passatempo a decorrer na revista Somos Livros infantil, para te habilitares a ganhar um exemplar do livro Quando as baleias caminhavam? Encontra-a online ou numa das 58 livrarias, e participa até ao dia 31 de julho!

X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.