Bula Literária | "O Cuquedo e os Pequenos Aprendizes do Medo", de Clara Cunha

Por: Bertrand Livreiros a 2020-04-21 // Coordenação Editorial: Marisa Sousa

Clara Cunha

Clara Cunha

Nasceu em 1971, na cidade de Almada.
Licenciou-se em Educação de Infância pela Escola Superior de Educação Jean Piaget.
Autora de Feliz Natal Lobo Mau, que alcançou um enorme sucesso e conta já com 4 edições, do livro O Cuquedo, que conta com 10 edições e mais de 30 000 exemplares vendidos, e do seu sucedâneo O Cuquedo e um Amor que mete Medo que em menos de um ano está na 3ª edição e de Faz-de-conta, uma homenagem à imaginação e à brincadeira sem limites.

VER +

30%

O Cuquedo e os Pequenos Aprendizes do Medo
12,60€
30% CARTÃO LEITOR BERTRAND
PORTES GRÁTIS

Últimos artigos publicados

Frio Suficiente Para Nevar, de Jessica Au | Bula Literária

Uma jovem mulher organiza umas férias com a mãe no Japão, onde percorrem Tóquio, Osaka e Quioto: caminham pelos canais nas tardes de outono, esquivam-se de chuvas e vendavais, partilham refeições em pequenos cafés e restaurantes e visitam galerias para verem alguma da mais radical arte moderna. Enquanto isso, conversam: sobre tempo, horóscopos, roupas, objetos, família, distância e memória. Mas as incertezas abundam. Quem estará realmente a falar - apenas a filha? A mãe raramente fala, aparenta ser uma presença fantasmagórica que não parece estar de facto ali. E qual será a verdadeira razão desta viagem elíptica, ou mesmo espectral?

O Rei-Sombra, de Maaza Mengiste | Bula Literária

Sob a ameaça iminente do exército fascista de Mussolini, Hirut, uma jovem que acaba de perder ambos os pais, esforça-se por se adaptar à sua nova vida como criada. O seu recente patrão — Kidane, oficial do exército do imperador Haile Selassie — está absorvido na missão urgente de reunir os melhores homens e de os preparar para a invasão italiana. Hirut e as outras mulheres anseiam por fazer mais do que tratar dos feridos e enterrar os mortos. Quando o imperador foge para o exílio e a Etiópia rapidamente começa a perder a esperança, é Hirut quem possibilita um plano para manter o moral. Mas como poderia ela prever que em breve enfrentaria a sua própria guerra pessoal, como prisioneira de um dos mais vis oficiais italianos?

Questões Escaldantes, de Margaret Atwood | Bula Literária

Margaret Atwood, ícone cultural e uma das mais importantes escritoras contemporâneas, está de regresso com uma extraordinária coleção de ensaios - divertidos, eruditos, terrivelmente curiosos e assombrosamente premonitórios -, que procuram dar resposta às questões mais prementes dos nossos dias, tais como: Porque contam histórias todas as pessoas, em todos os pontos do planeta, em todas as culturas? Quanto de nós podemos dar aos outros, ou de quanto podemos prescindir, sem que fiquemos vazios? Será possível viver no planeta Terra? Como? É verdade, seja o que for? E é justo? O que têm os zombies que ver com autoritarismo?

Há diversos estudos científicos que demonstram que ler melhora a nossa saúde. Neste consultório, recheado de estantes, partilhamos consigo as nossas bulas literárias. Dentro dos livros, há remédios para todos os males. Encontre o mais adequado para si, atente aos efeitos secundários e siga a posologia recomendada. 

Quem sabe se a (sua) cura não passa por aqui?

 


 

Indicado para: Combate à tristeza, à solidão, ao tédio, à falta de sentido de humor e de capacidade de persistir perante as adversidades; aprender a pedir ajuda e a rir de si mesmo;

Efeitos secundários: Diversão; alegria; gargalhadas; valorização do trabalho em equipe, da colaboração, da solidariedade e da experiência/sabedoria dos mais velhos e experientes;

Posologia: Ler sempre que necessário, de preferência em família ou com amigos.

X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.