Bertrand.pt - O Saque

O Saque

de Joe Orton 

Editor: Campo das Letras
Edição ou reimpressão: março de 2007
13,78€
Esgotado ou não disponível.


"O Saque" não é apenas uma devastadora comédia de (muito maus) costumes, é um objecto farsesco que desliza para a quintessência da derisão social, o absurdo. Indestrutível mecânica de acção e um diálogo à altura da mais coruscante violência verbal inglesa iniciam-nos na descoberta deste Oscar Wilde da fina-flor da Segurança Social, do Estado Providência, da classe trabalhadora, do entulho! Um policial muito negro, em directo!

Excertos
HAL Gostava de montar um bordel. (Põe as meias dentro dos sapatos.) Um bordel de duas estrelas. E se o negócio crescesse, avançava para um bordel de três estrelas. E punha no anúncio: "Recomendado pela Casa Real". Como vem na compota.
(Fay estende-lhe a farda das Voluntárias da Segunda Guerra. Hal dobra-a e põe-na no lençol.) Havia de lá ter uma preta. Não concordo com a barreira da cor. E uma tipa finlandesa. Punha-as a chonar juntas. Para realçar o contraste.
(Fay estende-lhe uma combinação. Hal coloca-a no monte.)
E havia de ter duas irlandesas. Uma católica decente. E uma protestante. E havia de fazer com que os protestantes escolhessem as católicas. E os católicos, as protestantes. Para lhes ensinar como vive a outra metade. Havia de ter uma tipa loira com o cabelo pintado de escuro. E uma tipa morena com o cabelo pintado de louro. E uma anã. E uma tipa alta de mamas grandes.
(Fay passa por cima do biombo, em sucessão rápida, um espartilho, um soutien e um par de cuecas. Hal põe tudo no monte.)
FAY Está mesmo decidido a tirar-lhe os dentes?
HAL Estou. (Pausa.) E havia de ter uma tipa francesa, uma tipa holandesa, uma tipa belga, uma tipa italiana... (Fay passa-lhe a dentadura postiça por cima do biombo) ... e uma tipa que falasse fluentemente espanhol e dançasse na perfeição aquelas danças nativas. (Faz estalar a dentadura como se fossem castanholas.) Havia de lhe chamar Consummatum Est. E havia de ser a casa de má-fama mais famosa de toda a Inglaterra.

Nota do autor
"Acho que acredito no Pecado Original. As pessoas são profundamente más, mas infinitamente cómicas"
(Joe Orton)

O Saque
ISBN: 9789896251444 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Campo das Letras Idioma: Português Dimensões: 208 x 135 x 11 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 168 Tipo de Produto: Livro Coleção: Campo do Teatro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Arte  >  Artes de Palco
Livros  >  Livros em Português  >  Literatura  >  Teatro (Obra)

Sugestões

O Colar
20%
portes grátis
10% + 10% Cartão Leitor Bertrand
13,50€ 12,15€
Porto Editora, S.A.
Frei Luís de Sousa
20%
portes grátis
10% + 10% Cartão Leitor Bertrand
7,70€ 6,93€
Porto Editora, S.A.
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.