Bertrand.pt - Notícias e Memórias Paroquiais Setecentistas - 9 - Lousã

Notícias e Memórias Paroquiais Setecentistas - 9 - Lousã

de José Manuel Azevedo e Silva 

Editor: Palimage
Edição ou reimpressão: dezembro de 2010
Portes
Grátis
10%
14,84€
Poupe 1,48€ (10%) Cartão Leitor Bertrand
Em stock - Envio 24H
portes grátis

Notícias e Memórias Paroquiais Setecentistas podem concorrer (…) para a identificação de sítios e lugares que albergaram pequenas comunidades humanas, inseridas em configurações de espaços físicos, etnográficos, económicos, político-administrativos, culturais, mentais, hagiográficos que, eventualmente, continuamos a desconhecer e que, no entanto, suportam o corpo e a alma do Portugal mais profundo.

O presente volume desta colecção integra as principais notícias e memórias paroquiais do século XVIII relati­vas às freguesias do actual concelho da Lousã. Para além da possibilidade da reconstituição da realidade de então e do seu cotejo com a de hoje, procura-se entender e explicar a intenção do Poder Central em dispor, naquela época, de dados "estadísticos"/estatísticos e sugerem-se vias para usar, como "recurso" do desenvolvimento, o valioso património natural e cultural deste concelho da Lousã. O concelho da Lousã como que começa no acidente rochoso a que Frei Agostinho de Santa Maria chama Portas da Candosa. É por esta "Porta", em forma de garganta, que entra o alvor do Sol, pois que, face ao termo do concelho, se situa aproximadamente a Nascente. É também por esta "Porta" que entra o rio Ceira para, juntos, realizarem, nas planuras do concelho, o milagre da fertilização. Na verdade, quase todas as "Notícias" do concelho da Lousã referem a sua beleza e a sua fertilidade. Ao cimo da vertente da margem esquerda, está a Ermida de Nossa Senhora da Candosa, como que a sacralizar os campos de milho e os lares que dali a vista alcança, nas duas freguesias de Serpins e de Vila Nova do Ceira, dos concelhos da Lousã e de Góis, respectivamente. Outro local mágico do concelho da Lousã é o con­junto rochoso que a Ribeira de São João contorna, serpenteando entre o penhasco em que se encavalita o castelo de Arouce (da Lousã), tendo em frente, mas do outro lado da Ribeira, outro morro, do qual Nossa Senhora da Piedade contempla o velho castelo, guardando, em segredo, as suas lendas e, porventura, a sua história. O Castelo de Arouce (Lousã) é, talvez, dos castelos portugueses, aquele a que mais complexas lendas deu origem. Porque a sua história se esconde por detrás dos tempos, a Miscelânea do Dr. Miguel Leitão d’Andrada dedica-lhe uma peça mítica e uma lenda de amor que bem quadra com o silêncio e a paz que ali se "respiram", qual paraíso que só não é perdido, porque está lá a provar que o homem não é assim tão poderoso, que ainda não chegou a toda a parte e, se chegou ali, qual Gomorra, "cristalizou" ante semelhante "dilúvio" de beleza.

Notícias e Memórias Paroquiais Setecentistas - 9 - Lousã
ISBN: 9789728999988 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Palimage Idioma: Português Dimensões: 158 x 228 x 9 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 150 Tipo de Produto: Livro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  História  >  História de Portugal

Sugestões

Lendas, Mitos e Ditos de Portugal
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
14,90€
Manuscrito Editora
Racismo no País dos Brancos Costumes
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
15,90€
Tinta da China
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.