Bertrand.pt - Crise de Versos

Crise de Versos

de Stéphane Mallarmé 

Editor: Deriva Editores
Edição ou reimpressão: agosto de 2011
Portes
Grátis
10%
8,50€
Poupe 0,85€ (10%) Cartão Leitor Bertrand
Envio até 10 dias
portes grátis

Elíptico, extremamente condensado, interrogando tudo quanto poderia distinguir a poesia dos usos comuns da linguagem, o texto de Crise de Versos é, ao mesmo tempo, um diagnóstico e uma profecia. Por um lado, procura surpreender a dissolução de versos tradicionais, em particular do alexandrino (o verso oficial por excelência), ao longo da segunda metade do século XIX e sobretudo após a morte de Victor Hugo. Diagnóstico difícil de uma experimentação formal então ainda em curso: o que nos surge hoje como conquista definitiva e já distante (em termos de livre invenção de metros, cesuras, formas gráficas) era no tempo de Mallarmé um acontecimento recente, plural, a necessitar com urgência de teorização. Por outro lado, Crise de Versos antecipa as poéticas dos modernismos e das primeiras vanguardas, ao enfatizar a produtividade da tensão entre a busca de um princípio construtivo, que asseguraria a impessoalidade, e a dissolução das formas canónicas.

Críticas de imprensa
« [a edição deste livro, um importante trabalho de Rosa Maria Martelo e Pedro Eiras, os tradutores, é um] genuíno acontecimento nas nossa letras. […]Não será fácil hoje aceitar esta celebração do isolamento da palavra pelo verso, a não ser, como já várias vezes sucedeu, trocando o entendimento por ressentimento e acusando Mallarmé (e outros) de isolar a poesia, de a mergulhar no ininteligível, de a fastar da fruição universal, etc Mas não se faz essa troca sem sacrificar a poesia àquilo a que Mallarmé chma a “universal reportagem”, o que vem a dar no mesmo que liquidá-la. Boa parte da grandeza inegável de Mallarmé, à distância de um século, é ter percebido que para a poesia moderna tudo se joga crucialmente na relação com a linguagem, porque “moderno” é o mundo onde todo o poder se traduz em forma e força de discurso.»
Gustavo Rubim, Público

Crise de Versos
ISBN: 9789729250828 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Deriva Editores Idioma: Português Dimensões: 99 x 179 x 4 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 68 Tipo de Produto: Livro Coleção: Pulsar Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Literatura  >  Poesia

Sugestões

Chuva de Graça
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
12,00€
Tecto de Nuvens
As Rimas de Petrarca
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
22,20€
Quetzal Editores
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.