Bertrand.pt - Angola

Angola

Sonho e Pesadelo

de Adolfo Maria 

Editor: Edições Colibri
Edição ou reimpressão: março de 2014
Portes
Grátis
10%
15,00€
Poupe 1,50€ (10%) Cartão Leitor Bertrand
Em stock - Envio 24H
portes grátis

Adolfo Maria nasceu em Luanda em 1935. Cresceu observando a violência colonial sobre o povo angolano, o que o levou, desde jovem, a lutar contra o colonialismo português. A partir de 1957, foi um dos dirigentes do Cineclube de Luanda e da Sociedade Cultural de Angola onde era membro do corpo redactorial do Jornal "Cultura". Na luta política foi membro do segundo PCA angolano e do MLNA, tendo sido preso pela PIDE portuguesa em 1959. Foi redactor do jornal diário luandense ABC, em 1961.
Partiu para o exílio em 1962 para se juntar às forças nacionalistas. Em Argel foi um dos fundadores do Centro de Estudos Angolanos, em 1964. Transferido em 1969, para a segunda Região político-militar do MPLA, dirigiu a Rádio "Angola Combatente" e, temporariamente o Departamento de Informação e Propaganda. Em 1974 participou na criação de uma tendência do MPLA, chamada "Revolta Activa", que reivindicava a democratização do Movimento. Cinco meses depois da proclamação da Independência de Angola, em 13 de Abril de 1976, a direcção do País decidiu prender vários membros dessa tendência, entretanto extinta.
Adolfo Maria conseguiu esconder-se e viveu cerca de três anos em clandestinidade. Após a amnistia presidencial, em Setembro de 1978, apresentou-se e ficou em detenção. Em Janeiro de 1979 foi expulso para Portugal. Neste país, com Gentil Viana e Mário de Andrade fez parte de um Grupo de Reflexão que procurava vias para o fim da guerra civil em Angola e que fez vários contactos diplomáticos e políticos nesse sentido.
Depois dos acordos de Bicesse entre o MPLA e a UNITA, voltou livremente a Angola, em fins de 1991 e Maio de 1992, acompanhando Gentil Viana na apresentação do seu plano de convivência nacional a partidos e personalidades, tendo sido recebidos pelo presidente da República. Depois do recomeço da guerra civil renunciou a qualquer iniciativa de carácter político. Todavia forneceu testemunhos e análises publicados no livro "Angola no percurso de um nacionalista - conversas com Adolfo Maria", também para a série documental "A Guerra" da RTP e para a recolha gravada em vídeo da Associação Tchyweka sobre a luta pela independência. Tem participado em alguns colóquios com comunicações sobre África e Angola, é colaborador permanente do jornal cultural "O Chá" da Associação Chá de Kaxinde, de Luanda e faz parte do painel de comentadores do programa radiofónico "Debate Africano" da RDP África.

Angola
Sonho e Pesadelo
ISBN: 9789896893866 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Edições Colibri Idioma: Português Dimensões: 159 x 228 x 12 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 218 Tipo de Produto: Livro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  História  >  História da África

Sugestões

Uma História Inacabada
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
19,90€
Livraria Pedro Cardoso
Refugiados de Angola
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
13,00€
Chiado Books
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.