Bertrand.pt - Velázquez

Velázquez

de Wilfredo Rincón García 

Editor: Editorial Estampa
Edição ou reimpressão: abril de 2000
24,22€
Esgotado ou não disponível

Diogo Rodrígues da Silva Velásquez nasceu a 6 de Junho de 1599, em Sevilha, primogénito de uma numerosa família de seis filhos, e morreu a 6 de Agosto de 1660. Foi o seu avô paterno o português Diogo Rodrigues da Silva, natural do Porto, que com a sua mulher se fixou em Sevilha. A fase da primeira juventude passou-a em Sevilha, onde depressa se tornou conhecido. Durante este período realizou numerosas e importantes obras de composição simples e rigorosa, nas quais utilizou tons cizentos e um desenho seguro e poderoso. Nelas também se manifesta, pela forma de iluminar os objectos, fazendo-os ressaltar sobre um fundo escuro, uma clara correspondência com a obra de Caravaggio. O seu interesse nesta época, por representar com a máxima exactidão o ambiente natural, converteu-o no introdutor, na Andaluzia do realismo barroco (Velha Fritando Ovos, 1618). Paulatinamente as suas telas foram sofrendo uma certa evolução, que se manifestou, sobretudo, numa maior complexidade na composição e na utilização de um colorido cada vez mais claro. A esta fase correspondem os quadros de temática popular (Almoços, Três Músicos e Os Bebedores). Em 1622 foi para Madrid, com a esperança de conseguir um lugar na corte. Em 30/8/1623 iniciou o seu primeiro retrato do rei, atravéz do qual obteve o lugar de pintor régio (6/10/1623). Desde então a sua actividade desenvolveu-se até à sua morte ao serviço da coroa. Em Agosto de 1629 iniciou a sua primeira viagem a Itália; permaneceu durante algum tempo em Veneza, onde conheceu as magníficas composições de Ticiano e de Tintoretto, que teriam uma influência decisiva na evolução do seu estilo, e, em Roma, cidade na qual pintou dois dos seus quadros mais notórios: A Túnica de José e A Forja de Vulcano. De regresso a Madrid trabalhou na decoração do luxuoso Palácio do Buen Retiro , para o qual pintou A Rendição de Breda, concluída em 1635. E vários retratos equestres de Filipe IV e do príncipe Baltasar Carlos. Em nova visita a Roma pintou uma das suas telas mais excepcionais, o retrato do papa Inocêncio X. Pertencem também a este período o retrato de Juan de Pareja (escravo e posteriormente servidor e discípulo de Velázquez) e duas pequenas paisagens da Villa Médicis, cuja técnica e composição prenunciam Corot e a pintura do século XIX. De regresso a Espanha pintou a sua esplêndida Vénus do Espelho. Instalado de novo na corte pintou alguns retratos reais, como os da infanta Margarida (1658) e o do príncipe Flilipe Próspero (1659). Juntamente com esta há que realçar, pela sua singularidade, os retratos que realizou dos bobos e anões da corte. Ao último período da sua vida correspondem dois dos quadros mais importantes e definidores da sua trajectória artística: As Meninas, pintado em 1656, e As Fiandeiras, feito cerca de 1657.

Velázquez
de Wilfredo Rincón García 
ISBN: 9789723315042 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Editorial Estampa Idioma: Português Dimensões: 280 x 300 mm Encadernação: Capa dura Páginas: 140 Tipo de Produto: Livro Coleção: Mestres Pintores Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Arte  >  Pintura
Livros  >  Livros em Português  >  Literatura  >  Biografias

Sugestões

O Físico Prodigioso
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
75,00€
Poupe 7,50€
Editora Guerra & Paz
Imagem e Realismo
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
18,00€
Universidade Católica Portuguesa - Porto
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.