Lá, onde o vento chora

de Delia Owens 

Editor: Porto Editora
Edição: junho de 2019
Formatos Disponíveis:
Portes
Grátis
30%
18,85€
Poupe 5,66€ (30%) Cartão Leitor Bertrand
Em stock online

Finalista Prémio Livro do Ano Bertrand 2019

Kya tem apenas seis anos de idade quando vê a mãe sair de casa, com uma maleta azul e sapatos de pele de crocodilo, e percorrer o caminho de areia para nunca mais voltar. E à medida que todas as outras pessoas importantes na sua vida a vão igualmente abandonando, Kya aprende a ser autossuficiente: sensível e inteligente, sobrevive completamente sozinha no pantanal a que chama a sua casa, faz amizade com as gaivotas e observa a natureza que a rodeia com a atenção que lhe permite aprender muitas lições de vida.
O isolamento em que vive durante tantos anos influencia o seu comportamento: solitária e fugidia, Kya é alvo dos mais cruéis comentários por parte dos moradores da pacata cidade de Barkley Cove.
E quando o popular e charmoso Chase Andrews aparece morto, todos os dedos apontam na direção de Kya, a miúda do pantanal. E o impensável acontece.

Neste romance de estreia, Delia Owens relembra-nos que somos formatados para sempre pelas crianças que um dia fomos, e que para sempre estaremos sujeitos aos maravilhosos, mas também violentos, segredos que a natureza encerra.

Críticas
Não consigo expressar o quanto adorei este livro! Não queria que esta história terminasse.

Reese Witherspoon

Críticas de imprensa
«Dolorosamente bonito. Uma história de crescimento e solidão que é também um mistério e ainda uma celebração da Natureza.»

The New York Times Review

De partir o coração. Uma nova abordagem sobre o isolamento e a natureza, na perspetiva de uma mulher, e também uma envolvente história de amor.

Entertainment Weekly

Irresistível e original. Um mistério, um drama, um romance e uma história de crescimento. Lá, onde o vento chora é lindo e comovente. Os leitores não esquecerão Kya durante muito e muito tempo.

ShelfAwareness

  • A Miúda do Pantanal
    Jacqueline Miranda - Livreiro Castelo Branco - 15/02/2024 | 15-02-2024

    ´´Lá, onde o vento chora´´, de Delia Owens, é uma jornada emocionante sobre a solidão, o amor e a resiliência de Kya, uma jovem abandonada nos pântanos da Carolina do Norte. A história me tocou profundamente, mostrando como o amor pode surgir de formas inesperadas, seja na conexão de Kya com a natureza ou nos laços que ela forma com outros personagens. Uma leitura envolvente e inspiradora que recomendo a todos.

  • Comovente
    Inês Maravalhas - livreiro Bertrand Póvoa de Varzim | 04-12-2023

    Kya é abandonada em criança por toda a família e tem de aprender a sobreviver sozinha na zona de pantanal onde mora. À sua volta, todos a desprezam e vêem-na como uma estranha que nunca se enquadrará na sociedade. Um dia, um rapaz da zona é encontrado morto e todos acusam Kya do seu assassinato. Esta é uma história comovente de superação, com descrições fantásticas da Natureza em volta e também uma lição sobre preconceito.

  • Sobre natureza e humanidade.
    João Moreira | Bertrand Espinho | 30-11-2023

    Há livros que não fazem sucesso só por acaso. Este é um deles. Com uma escrita muito simples, fluida, Delia Owens apresenta uma história cativante que nos conquista do primeiro ao último capítulo. Além de toda uma declaração de amor à natureza este livro é ainda uma espécie de estudo sobre a inocência humana. Uma história que reflete sobre a forma como a sociedade nos molda e nos (des)constrói. Com uma pitada de suspense, temos um livro perfeito para quem procura uma leitura de verão, ou para quem precisa de espairecer de leituras mais difíceis/complicadas.

  • Um livro surpreendente e arrebatador
    Mónica Gomes- livreiro Bertrand Póvoa de Varzim | 29-11-2023

    Um livro de sobrevivência que relata a história de Kya, uma menina de 6 anos que vê a sua mãe partir. Desde esse momento a sua vida mudará para sempre. Uma história muito comovente, que não deixará nenhum leitor indiferente, repleta de surpresas e muito suspense à mistura, que aborda a perda, o poder de superação, a natureza e o amor.

  • Divinal
    José Geraldes-Bertrand Covilhã | 05-05-2021

    Uma experiência absolutamente extraordinária, um livro que nos transporta para tempos difíceis, em que a sobrevivência é a grande aprendizagem com base no amor!

  • Surpreendente
    Leonor Paulo - Bertrand Almada Rua | 01-05-2021

    De leitura compulsiva e história cativante, justificando prémios literários que já recebeu. Com um final surpreendente, recomendo a qualquer leitor que procure uma leitura séria mas não muito densa.

  • A rapariga do pântano
    Mariana Torres- Bertrand Póvoa de Varzim | 18-04-2021

    Conseguirmos, através deste livro, acompanhar o crescimento de Kia, a miúda do pântano, desde as suas primeiras experiências com a sociedade, ao aprender a ler e ao seu primeiro amor. Um final surpreendente, que me fez rir, chorar, sentir raiva e alegria.

  • Emocionante
    Nathalia Teixeira | 16-04-2021

    Nesse livro acompanhamos a vida da pequena kya até sua fase adulta, tendo que amadurecer muito cedo e sozinha. Vibrei com cada conquista e aprendizado, como coisas simples do dia-a-dia pode se tornar algo difícil e menos óbvio quando não se tem ninguém para ensinar. Uma leitura extremamente emocionante e envolvente. Ver Kya ser a abandonada e sofrer com o julgamento das pessoas não foi fácil, mas me fez repensar em muitas coisas.

  • Uma história inesquecível
    Raquel Mateus, Livreira Bertrand Fórum Coimbra | 14-03-2020

    Um romance, intenso e profundo, que nos conta a história de Kya, uma menina que vive num pantanal, e que, ao longo da sua vida vai sendo abandonada pela família. Esta situação marca-a profundamente, mas, simultaneamente, esta solidão torna-a numa sobrevivente, numa guerreira, numa Grande Mulher! Que personagem fantástica! Que história deliciosa, com descrições maravilhosas da Mãe-Natureza. Um livro que todos deveriam ler!

  • Um romance que todos deviam ler
    Raquel Abel - Livreira Bertrand Forum Coimbra | 10-03-2020

    A estreia da autora nos romances não deixou ninguém indiferente. Com uma história forte e marcante, Delia Owens faz-nos sentir um misto de emoções. É impossível não nos prendermos a Kya e à sua história de solidão. Um romance em que o meio envolvente é tão bem descrito que nos transporta facilmente para o pantanal, com os seus cheiros e sons. Muito bom. Para quem gosta de histórias quem prendem!

  • ver menos comentários ver mais comentários
  • Resiliencia
    Carla cova - Livraria bertrand Plaza Madeira | 13-02-2024

    A vida de uma jovem que não foi facil, cheia de injustiças e ilusões amorosas. Tão expectante que só no fim conseguimos respirar.

  • Incrível
    Joana S. | 06-03-2023

    Prende-nos do início ao fim, queremos ler mais e mais para saber o desenrolar da história. Deixa o coração apertado ao imaginar a pequena Kia crescer sozinha no meio do pântano, mas logo nos embala nas suas aventuras.

  • Nunca mais vemos a natureza com os mesmos olhos
    Raquel | 14-09-2022

    Livro muito bem escrito, que pormenoriza a natureza de uma forma que, enquanto lemos, somos transportados diretamente para o pantanal e para junto dos animais que lá vivem. A história da Kya é, em muitas passagens, bastante dolorosa de ler. Deixa-nos sensíveis até ao fim.

  • Um livro para a vida
    Adriana Sousa | 07-08-2021

    Como assim este é o primeiro livro de Delia Owen's? A escrita é fantástica e enfeitiça-nos com as cores do céu, do mar, do pantanal... Este é um livro que consegue ser vivido. Celebra a natureza no seu estado mais selvagem e a independência e resistência que Kya foi adquirindo ao ser abandonada aos seis anos de idade. Sinto que ganhei uma amiga que, sem nada me dizer, me ensinou muita coisa. É uma leitura mais que obrigatória!!!

  • Uma ótima leitura
    Ralph | 19-04-2021

    Li a versão brasileira mas, mesmo assim, achei este livro muito agradável, com um fim muito inesperado. Além das descrições detalhadas de como é viver por volta de um pantanal, a história de amor, perda, solidão e persistência envolve o leitor. Foi como se fosse transportado para estar a viver a vida da Kya no pantanal. Bem vale a pena ler.

  • Uma ode à solidão e à natureza
    Mariana | 14-01-2021

    Uma representação bastante própria sobre o que é a solidão e uma lição em como, indubitavelmente somos seres sociais. A própria descrição da natureza, como pode ser impiedosa e fascinante em simultâneo, interligando estas características com a vida pessoal dos personagens do livro, torna-o num dos livros mais envolventes que já li. Os romances vividos acabam por tomar um lugar secundário.

  • Absolutamente maravilhoso
    Carolina Sousa | 20-08-2020

    O melhor livro que li desde há muito tempo. Não conseguia parar de ler. É verdadeiramente fantástico!

  • Lá, onde o vento chora
    Sónia Rodrigues Pinto | 14-02-2020

    Há histórias que são poesia do princípio ao fim. Delia Owens deixou-me rendida com a sua escrita, com essa prosa poética tão doce que me fez sentir a personalidade de Kya de uma forma única, cativante, brilhante. Conseguimos sentir o âmago da solidão em cada palavra, os ensinamentos da natureza através dos olhos da personagem principal. É, acima de tudo, um livro extremamente visual, uma autêntica viagem ao pântano e à profundidade do verde, do lamacento, do natural. Fiquei rendida. Apaixonada. Só gostava de ter a experiência de reler este livro pela primeira vez.

  • Descrições maravilhosas!
    Isabel Caldeira - blogue Manta de Histórias | 08-10-2019

    Delia Owens fez descrições maravilhosas do pantanal. Não se assustem quando falo em descrições. Não são nada cansativas, pelo contrário, há um certo encantamento ao lê-las. Muitas vezes me imaginei dentro do pequeno barco, com Kya, nas suas viagens pelo pantanal. A escrita da autora é apelativa. Há passagens belas, emotivas, educativas. As personagens secundárias criadas, apesar de não terem tanta atenção como Kya, são personagens que enriquecem a história. Muitas delas trazem aquele lado humano que gostamos, são solidárias, atentas ao próximo, empáticas. São muitos os temas sensíveis abordados pela autora, como negligência familiar, violência, alcoolismo, racismo. A autora aborda-os de maneira inteligente e convida o leitor a reflectir sobre eles. Apesar de ser uma história cruel de abandono, que parte o coração do leitor, é também uma história de superação, resiliência, coragem e acima de tudo, de amor.

  • ver menos comentários ver mais comentários
Lá, onde o vento chora
ISBN:
978-972-0-03220-1
Ano de edição:
06-2019
Editor:
Porto Editora
Idioma:
Português
Dimensões:
152 x 235 x 25 mm
Encadernação:
Capa mole
Páginas:
392
Tipo de Produto:
Livro
Classificação Temática:

Quem comprou também comprou

O Homem que Eu Penso Conhecer
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
15,90€
Editorial Presença
Pequenos Fogos em Todo o Lado
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
18,00€
Relógio D'Água
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.