Bertrand.pt - Estudo Dirigido de Informática Básica

Estudo Dirigido de Informática Básica

de Maria Izabel N. G. Manzano e André Luiz N. G. Manzano 

idioma: Português do Brasil, Português
Editor: Érica
Edição ou reimpressão: junho de 2007
42,67€
Esgotado ou não disponível

A sétima edição do livro foi revisada e ampliada, pela grande preocupação de trazer informações mais atualizadas frente às novas tecnologias, além de muitas novidades.
A obra manteve sua estrutura original no que tange à história e sua cronologia, preservando a linguagem simples e acessível aos novos usuários da informática. Apresenta informações riquíssimas sobre novos recursos computacionais, como, por exemplo, a tecnologia Bluetooth e Wireless, possibilidades novas dentre muitos recursos oferecidos, além de contemplar um assunto muito importante, a segurança de dados, seja em uma simples página web ou em um inocente bate-papo em salas de chat ou, ainda, em mensagens instantâneas.

Índice

Capítulo 1 - Avanços Tecnológicos e o Novo Homem
1.1 O Ceticismo Quanto à Tecnologia
1.1.1 Computadores e Tecnologia
1.1.2 Internet e Comunicação por Satélite
1.1.3 Telefonia
1.2 Lei da Informática e Reserva de Mercado
1.3 O Primeiro Passo: A Linguagem
1.4 A Arte de Calcular
1.5 A Evolução do Cálculo através dos Ano
1.5.1 Linguagem
1.5.2 Escrita
1.5.3 Ferramentas de Cálculo

Capítulo 2 - A História dos Computadores
2.1 Os Vultos da História da Informática
2.1.1 John Napier (1550-1617)
2.1.2 Wilhelm Schickard (1592-1625)
2.1.3 Blaise Pascal (1622-1662)
2.1.4 Gottfried Wilhelm Leibnitz (1646-1716)
2.1.5 Joseph-Marie Jacquard (1752-1824)
2.1.6 Charles Babbage (1792-1871)
2.1.7 Ada Augusta Byron (1815-1854)
2.1.8 Frank Stephen Baldwin (1828-1925)
2.1.9 George Boole (1815-1864)
2.1.10 Hermann Hollerith (1860-1929)
2.1.11 Dorr Eugene Felt (1862-1920)
2.1.12 Willgodt T. Odhner (1845-1905)
2.1.13 Howard H. Aiken (1900-1972)
2.1.14 John Louis von Neumann (1902-1957)
2.1.15 Konrad Zuse (1910-1995)
2.1.16 Alan Mathieson Turing (1912-1954)
2.1.17 John Presper Eckert (1919-1995) e John Mauchly (1907-1980)
2.1.17.1 O Surgimento do Conceito "Bug"
2.1.18 Claude Shannon (1916-2001)
2.2 As Gerações dos Equipamentos
2.2.1 A Primeira Geração - Válvulas (1927-1952)
2.2.2 A Segunda Geração - Transistores (1954-1962)
2.2.3 A Terceira Geração - Circuitos Integrados (1962-1972)
2.2.4 A Quarta Geração - VLSI (1972-1984)
2.3 Cronograma da Evolução da Microinformática
2.3.1 Ano: 1971
2.3.2 Ano: 1974
2.3.3 Ano: 1975
2.3.4 Ano: 1976
2.3.5 Ano: 1977
2.3.6 Ano: 1978
2.3.7 Ano: 1979
2.3.8 Ano: 1980
2.3.9 Ano: 1981
2.3.10 Ano: 1982
2.3.11 Ano: 1982
2.3.12 Ano: 1984
2.3.13 Ano: 1985
2.3.14 Ano: 1986
2.3.15 Ano: 1987
2.3.16 Ano: 1988
2.3.17 Ano: 1989
2.3.18 Ano: 1990
2.3.19 Ano: 1991
2.3.20 Ano: 1992
2.3.21 Ano: 1992
2.3.22 Ano: 1994
2.3.23 Ano: 1995
2.3.24 Ano: 1996
2.3.25 Ano: 1997
2.3.26 Ano: 1998
2.3.27 Ano: 1999
2.3.28 Ano: 2000
2.3.29 Ano: 2001
2.3.30 Ano: 2002
2.3.31 Ano: 2002
2.3.32 Ano: 2004
2.3.33 Ano: 2005
2.3.34 Ano: 2006
2.3.35 Ano: 2007

Capítulo 3 - Sistemas Numéricos
3.1 Diferença entre um Número e um Numeral
3.2 Sistema Decimal ou Sistema de Base 10
3.2.1 Aritmética com Sistema Decimal
3.2.1.1 Adição
3.2.1.2 Subtração
3.2.1.3 Multiplicação
3.2.1.4 Divisão
3.3 Sistema Binário
3.4 Que é Bit?
3.5 Que é Byte?
3.5.1 Unidades de Medida
3.5.2 Aritmética com Sistema Binário
3.5.2.1 Adição
3.5.2.2 Subtração
3.5.2.3 Multiplicação
3.5.2.4 Divisão
3.6 Sistema Octa
3.6.1 Aritmética com Sistema Octal
3.6.1.1 Adição
3.6.1.2 Subtração
3.6.1.3 Multiplicação
3.6.1.4 Divisão
3.7 Sistema Hexadecimal
3.7.1 Aritmética com Sistema Hexadecimal
3.7.1.1 Adição
3.7.1.2 Subtração
3.7.1.3 Multiplicação
3.7.1.4 Divisão
3.8 Conversão de Sistemas Numéricos
3.8.1 Sistema Decimal em Binário
3.8.2 Sistema Binário em Decimal
3.8.3 Sistema Decimal em Octal
3.8.4 Sistema Octal em Decimal
3.8.5 Sistema Decimal em Hexadecimal
3.8.6 Tabela dos Sistemas de Numeração

Capítulo 4 - Códigos de Computador
4.1 BCD - Binary Coded Decimal
4.2 EBCDIC - Extend Binary Coded Decimal Interchange Code
4.3 ASCII - American Standard Coded for Information Interchange

Capítulo 5 - Sistema Informatizado
5.1 Que é Computador?
5.2 Tipos de Computador
5.2.1 Computadores Digitais
5.2.2 Computadores Analógicos
5.2.3 Computadores Híbridos
5.3 Hardware
5.3.1 Dispositivos de Entrada
5.3.2 Dispositivos de Saída
5.3.3 Dispositivos de Entrada e Saída
5.3.4 CPU
5.3.5 Memórias
5.3.5.1 ROM
5.3.5.2 RAM
5.3.5.3 Memória Convencional
5.3.5.4 Memória Superior
5.3.5.5 Memória Alta
5.3.5.6 Memória Expandida
5.3.5.7 Memória Estendida
5.3.5.8 Memória Virtual
5.3.5.9 Memória Cache
5.3.6 Outras Unidades de Armazenamento
5.3.6.1 Pen Drive
5.3.6.2 Cartões de Memória
5.3.6.2.1 Memória Flash
5.3.6.2.2 Flash NOR e Flash NAND
5.3.6.3 Tipos de Cartão de Memória
5.3.6.3.1 CompactFlash (CF)
5.3.6.3.2 SmartMedia (SM)
5.3.6.3.3 MultiMedia Card (MMC)
5.3.6.3.4 Secure Digital (SD)
5.3.6.3.5 MemoryStick
5.3.6.3.6 eXtreme Digital (xD-Picture)
5.3.6.3.7 Aparelhos Leitores de Memória
5.3.7 Periféricos
5.3.7.1 Monitor
5.3.7.2 Teclado
5.3.7.3 Impressora
5.3.7.4 Dispositivos de Armazenamento
5.3.7.5 Mouse
5.3.7.6 Wireless Optical Desktop 1000
5.3.7.7 Joystick
5.3.7.8 Modem
5.3.7.9 Canetas Ópticas
5.3.7.10 Leitores de Código de Barras
5.3.7.11 Scanner
5.3.7.12 Drive DVD
5.3.7.13 Drive DAT
5.3.7.14 Webcam
5.3.7.15 Câmera Digital
5.3.8 Cabos e Portas USB
5.3.9 Microcomputador Comum
5.3.9.1 Linha Servido
5.3.9.2 Linha Desktop
5.3.9.3 Linha Notebook
5.3.9.4 Tablet PCs
5.3.9.5 Telefones Celulares Inteligentes
5.4 OEM Hardware Solutions
5.5 Software
5.5.1 Geração das Linguagens de Programação
5.5.1.1 Primeira Geração
5.5.1.2 Segunda Geração
5.5.1.3 Terceira Geração
5.5.1.4 Quarta Geração
5.5.2 Algumas Famílias de Softwares
5.5.2.1 Sistema Operacional
5.5.2.2 Processador de Texto
5.5.2.3 Planilha Eletrônica
5.5.2.4 Banco de Dados
5.5.2.5 Gerador de Apresentação
5.5.2.6 Desktop Publishing
5.5.2.7 Correio Eletrônico
5.5.2.8 Software de Segurança
5.5.2.9 Vírus
5.5.2.10 Antivírus
5.5.2.11 Virtualização (Software de Máquinas Virtuais)
5.6 Peopleware - Usuário
5.6.1 Doenças Adquiridas
5.6.2 A Importância da Ergonomia

Capítulo 6 - Redes
6.1 Classificação das Redes
6.1.1 LAN - Local Area Network
6.1.2 WAN - Wide Area Network
6.1.2.1 Algumas Topologias de Rede
6.1.2.2 Ponto a Ponto (Pear-to-Pear)
6.1.2.3 Anel
6.1.2.4 Estrela
6.2 Composição de uma Rede
6.3 Redes Wireless ou Redes sem Fio
6.3.1 Tecnologias Empregadas
6.3.2 Tecnologia Bluetooth
6.3.3 Palmtop

Capítulo 7 - Internet
7.1 Cronologia
7.1.1 Anos: 1960/61
7.1.2 Ano: 1962
7.1.3 Ano: 1966
7.1.4 Ano: 1969
7.1.5 Ano: 1972
7.1.6 Ano: 1975
7.1.7 Ano: 1978
7.1.8 Ano: 1979
7.1.9 Ano: 1981
7.1.10 Ano: 1982
7.1.11 Ano: 1983
7.1.12 Ano: 1984
7.1.13 Ano: 1987
7.1.14 Ano: 1989
7.1.15 Ano: 1990
7.1.16 Ano: 1991
7.1.17 Anos: 1992/93
7.1.18 Ano: 1994
7.1.19 Ano: 1995
7.1.20 Ano: 1996
7.1.21 Ano: 1998
7.1.22 Século XXI
7.2 Protocolos de Rede
7.3 Que é Provedor
7.4 Pré-Requisitos de Acesso
7.5 Mensagens Instantâneas
7.6 Salas de Bate-Papo
7.6.1. Cinco Dicas de Segurança para Salas de Bate-Papo
7.6.2. Cinco Dicas de Segurança para Crianças em Salas de Bate-Papo
7.7 Blog
7.8 Fotolog
7.9 FTP Significa File Transfer Protocol
7.10 Telnet
7.11 Usenet
7.12 VoIP
7.12.1 Vantagens do VoIP
7.12.2 Dificuldades Encontradas

Capítulo 8 - Lógica, a Arte de Pensar
8.1 Álgebra Booleana
8.1.1 Expressões Lógicas
8.1.2 Operadores Relacionais
8.1.3 Operadores Lógicos
8.1.3.1 Operador Lógico .e.
8.1.3.2 Operador Lógico .ou.
8.1.3.3 Operador Lógico .não.
8.1.3.4 Operador Lógico .xou.
8.1.4 Prioridades
8.2 Refinamento de Algoritmos

Capítulo 9 - Sistema Operacional
9.1 Algumas Funções do Sistema Operacional
9.2 Tipos de Sistema Operacional
9.3 O OS/2
9.4 O Mac/OS
9.5 O UNIX
9.6 O MS-DOS
9.7 O Windows XP
9.7.1 Starter Edition
9.7.2 Home Edition
9.7.3 Professional
9.8 Linux
9.8.1 Kurumin Linux
9.8.2 Kalango Linux
9.8.3 Debian GNU/Linux
9.8.3.1 OpenOffice.org

Referências Bibliográficas

Índice Remissivo

Estudo Dirigido de Informática Básica
ISBN: 9788536501284 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Érica Idioma: Português do Brasil, Português Tipo de Produto: Livro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Informática  >  Internet

Sugestões

Pôr em Prática o RGPD
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
16,65€
FCA
Os Inovadores
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
22,00€
Porto Editora
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.