Bertrand.pt - Economia e Política

Economia e Política

Uma abordagem dialéctica da escolha pública

de José Neves Cruz 

Editor: Coimbra Editora
Edição ou reimpressão: junho de 2008
Portes
Grátis
10%
29,68€
Poupe 2,97€ (10%) Cartão Leitor Bertrand
Em stock - Envio 24H
portes grátis

As Finanças Públicas foram durante muito tempo vistas como uma disciplina com fronteiras consolidadas. A disciplina estuda a intervenção do Estado na economia no desempenho de quatro funções (afectação, redistribuição, estabilização e promoção do desenvolvimento) e o seu financiamento. Nesta perspectiva mais tradicional, o conjunto de capítulos susceptíveis de serem incluídos num compêndio de Finanças Públicas depende de dois factores principais. Em primeiro lugar, depende da importância relativa que se atribui a uma aproximação dedutiva e feita predominantemente em termos reais (mais frequente nos compêndios de Economia Pública) comparativamente com uma aproximação mais indutiva e feita numa perspectiva institucional e financeira (mais frequente nos compêndios de Finanças Públicas). Em segundo lugar, depende do público-alvo. Textos elaborados para estudantes de Direito, em geral, incluem um capítulo sobre a função estabilização, capítulo ausente em muitos dos compêndios orientados para estudantes de Economia e Gestão em consequência desta problemática ser objecto de estudo em cadeiras específicas dos curricula. (…)
A fronteira das Finanças Públicas tem vindo a expandir-se com a inclusão de muitos desenvolvimentos produzidos na área do federalismo fiscal, razão pela qual em muitos compêndios esta problemática da governação a nível regional e local passou a ter um capítulo autonomizado. Outro desenvolvimento que veio a expandir a fronteira da disciplina tem a ver com um regresso ao estudo de temas da Economia Política com especial ênfase para os contributos na área da Teoria da Escolha Pública. Nesta fase de desenvolvimento, a disciplina das Finanças Públicas ainda se situa claramente num quadro de economia nacional e de intervenção exclusivamente pública.
A disciplina das Finanças Públicas está em contínua mutação podendo hoje falar-se numa Nova Finanças Públicas. Esta Nova Finanças Públicas incorpora, em primeiro lugar, o estudo da intervenção do Estado na Economia mas agora quebrando a barreira tradicionalmente feita entre intervenção pública e intervenção privada, mas mantendo a análise num quadro de análise predominantemente nacional. São incluídos aqui novos temas como as parcerias sector público-sector privado e a nova gestão pública. Este movimento de alargamento do âmbito da disciplina não parou e hoje já pode incluir-se na disciplina o estudo da intervenção do Estado na economia abandonando a restrição do âmbito nacional.

I - A escolha pública e as finanças do estado
II - As Funções do estado
III - A tributação
IV - O défice e a dívida pública
V - O sistema político e a intervenção estatal
VI - A descentralização

Economia e Política
Uma abordagem dialéctica da escolha pública
ISBN: 9789723215830 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Coimbra Editora Idioma: Português Dimensões: 161 x 232 x 25 mm Páginas: 408 Tipo de Produto: Livro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Direito  >  Direito Administrativo
Livros  >  Livros em Português  >  Economia, Finanças e Contabilidade  >  Finanças
Livros  >  Livros em Português  >  Política  >  Administração Pública

Sugestões

Freakonomics - O Estranho Mundo da Economia
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
16,65€
Editorial Presença
O Fim do Ocidente e o Nascimento do Mundo
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
11,90€
Editorial Presença
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.