Contos Arrepiantes da História de Portugal - Idade Média Medonha

de Rui Correia e António F. Nabais; Ilustração: Hélio Falcão 

Editor: Nuvem de Tinta
Edição ou reimpressão: junho de 2020
Portes
Grátis
10%
12,90€
Poupe 1,29€ (10%) Cartão Leitor Bertrand
Em stock - Envio 24H
portes grátis

Episódios arrepiantes, viscosos, tenebrosos, nojentos, brutais, horripilantes, sanguinários, asquerosos e que chegam mesmo, por vezes, a ser desagradáveis… da História de Portugal.

Sim, é verdade, os cronistas e historiadores já andam a escrever estas histórias há centenas de anos. E muitas são só lendas. Mas não há lenda nenhuma que não tenha grandes verdades escondidas. Há tesourinhos bem escondidos que não queremos que deixem de ser contados. Quem não gosta que lhe contem boas histórias?
OK, há ali coisas que são assim mais para o asqueroso. São um bocadinho nojentas e terríveis, são, mas é até por isso que gostamos delas. Quem não gosta de guerras, sangue e cabeças cortadas? Somos péssimos.
Uma nova série de contos arrepiantes respeitantes a diferentes momentos da história de Portugal com muito humor à mistura.

Contos Arrepiantes da História de Portugal - Idade Média Medonha
ISBN: 9789897840104 Ano de edição ou reimpressão: 06-2020 Editor: Nuvem de Tinta Idioma: Português Dimensões: 153 x 228 x 7 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 80 Tipo de Produto: Livro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Infantis e Juvenis  >  Literatura Juvenil

Sugestões

História de uma gaivota e do gato que a ensinou a voar
20%
portes grátis
15,50€ 12,40€
Porto Editora
Harry Potter e a Pedra Filosofal
20%
portes grátis
15,90€ 12,72€
Editorial Presença
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.