Bertrand.pt - UML 2.3 - Teoria e Prática

UML 2.3 - Teoria e Prática

de José Henrique Teixeira de Carvalho Sbrocco 

idioma: Português do Brasil, Português
Editor: Érica
Edição ou reimpressão: fevereiro de 2011
44,15€
Esgotado ou não disponível.

Didática e objetiva, esta obra apresenta a linguagem UML, fornecendo uma visão prática e dinâmica de sua aplicação e um estudo de caso. Apresenta importantes conceitos de modelagem de processos de negócio, necessários ao entendimento do domínio de aplicação e definição dos requisitos do sistema.
Grande ênfase é dada ao desenvolvimento de software orientado a objetos e a conceitos básicos, tais como classes, objetos, herança, polimorfismo, entre outros, considerados subsídios importantes para compreender e aplicar a UML. Inclui também uma visão operacional do software astah community 6.2, utilizado nos exercícios práticos e na demonstração dos exemplos inspirados no cenário corporativo. Destinada a estudantes e profissionais da área.

Sumário do livro

Capítulo 1 - Introdução
1.1. Considerações iniciais
1.2. Organização dos capítulos
1.3. Público-alvo
1.4. Por que modelamos?
1.5. Motivações para o surgimento da UML
1.5.1. Origens
1.6. Paradigmas de desenvolvimento de software
1.7. A UML e seus criadores
1.7.1. O método Booch
1.7.2. O método Rumbaugh
1.7.3. O método de Jacobson
1.7.4. Surge a UML
1.8. OMG (Object Management Group)
1.9. Exercícios

Capítulo 2 - Ferramentas para UML
2.1. Seleção de ferramentas
2.2. Visão geral da ferramenta astah community
2.2.1. Requisitos e instalação
2.2.2. Operação básica e principais recursos
2.3. Exercícios

Capítulo 3 - Conceitos básicos de orientação a objetos
3.1. Abstração e representação
3.2. O conceito de encapsulamento
3.3. Classes
3.3.1. Agregação entre classes
3.4. Atributos
3.5. Métodos
3.6. Objetos
3.7. Comportamentos e mensagens
3.8. Visibilidade (controle de acesso)
3.9. Estados
3.10. Herança
3.10.1. Superclasse e subclasse
3.10.2. Categorias de heranças
3.11. Classes abstratas
3.12. Classes concretas
3.13. Interfaces
3.14. Exemplo de abstração de uma classe
3.15. Identificação de objetos (identidade)
3.16. Desacoplamento
3.17. Polimorfismo
3.18. Exercícios

Capítulo 4 - Introdução à linguagem UML
4.1. Objetivos e aplicações da UML
4.2. Elementos básicos e diagramas UML associados
4.2.1. Atores
4.2.2. Casos de uso
4.2.3. Relacionamentos
4.2.4. Visão de casos de uso
4.2.5. Documento de casos de uso
4.2.6. Diagrama de casos de uso
4.2.7. Relações entre casos de uso
4.2.8. Pacotes
4.2.9. Estados
4.2.10. Diagrama de máquina de estados
4.2.11. Componentes
4.2.12. Diagrama de componentes
4.3. Visões da UML
4.3.1. Visão lógica
4.3.2. Visão de processo
4.3.3. Visão de implementação
4.3.4. Visão de implantação
4.4. Exercícios

Capítulo 5 - Considerações sobre projetos de software
5.1. Administração por projetos
5.2. Desenvolvimento de software orientado a objetos
5.2.1. O paradigma orientado a objetos
5.2.2. A UML e seu lugar no processo de desenvolvimento de software
5.2.3. Seleção da metodologia para desenvolvimento de software
5.3. Exercícios

Capítulo 6 - Ciclo de desenvolvimento de software
6.1. Visão geral do Processo Unificado de desenvolvimento de software
6.1.1. Fase de iniciação
6.1.2. Fase de elaboração
6.1.3. Fase de construção
6.1.4. Fase de transição
6.2. Exercícios

Capítulo 7 - UML: Por onde começar?
7.1. Primeira pergunta: qual é o seu problema?
7.2. Registro do cenário
7.3. Análise do domínio de aplicação
7.4. Definição do escopo do projeto
7.4.1. Diagrama de visão geral de interação
7.5. Exercícios

Capítulo 8 - Os processos de negócio
8.1. Diagrama de casos de uso de negócio
8.1.1. Casos de uso de negócio
8.1.2. Atores de negócio
8.1.3. Entidades de negócio
8.1.4. Trabalhador de negócio
8.2. Diagrama de atividades
8.3. Exercícios

Capítulo 9 - Início do desenvolvimento do software
9.1. Diagrama de classes
9.2. Considerações sobre modelagem de dados
9.2.1. Modelo Entidade-Relacionamento (MER)
9.2.2. Como modelar dados com a UML
9.3. Diagrama de objetos
9.4. Diagrama de comunicação
9.5. Diagrama de sequência
9.6. Diagrama de implantação
9.7. Diagrama de perfil
9.8. Exercícios

Capítulo 10 - Necessidades complementares de representação
10.1. Diagrama de estrutura composta
10.2. Diagrama de temporização
10.3. Exercícios

Capítulo 11 - Mecanismos de extensão da UML
11.1. Definição e perfis mais usados
11.2. OCL (Object Constraint Language)
11.3. WAE (Web Application Extension)
11.3.1. Páginas do servidor e do cliente
11.3.2. Formulários (form)
11.3.3. Quadros (frames)
11.3.4. Estereótipos de associação complementares
11.4. Exercícios

Capítulo 12 - Estudo de caso
12.1. Descrição do cenário
12.2. Início da modelagem
12.3. Análise de requisitos
12.3.1. Entendimento dos processos de negócio
12.3.2. Necessidades complementares
12.4. Projeto
12.4.1. Início do desenvolvimento do software
12.5. Codificação
12.5.1. Diagrama de sequência

Bibliografia

Índice remissivo

UML 2.3 - Teoria e Prática
de José Henrique Teixeira de Carvalho Sbrocco 
ISBN: 9788536503233 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Érica Idioma: Português do Brasil, Português Dimensões: 174 x 244 x 13 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 272 Tipo de Produto: Livro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Informática  >  Programação

Sugestões

Construção de Aplicações Móveis Híbridas com o PhoneGap
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
27,75€
FCA
Aprenda a programar com C#
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
14,30€
Edições Sílabo
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.