Bertrand.pt - O Que Diria Jesus Hoje?

O Que Diria Jesus Hoje?

de Heiner Geissler 

Editor: Casa das Letras
Edição ou reimpressão: abril de 2005
13,63€
Esgotado ou não disponível

A mensagem do Evangelho sobre A Dignidade Humana; O Corpo e o Sexo; Os Políticos; As Mulheres; A guerra no Iraque; A Segurança Social; O Capitalismo; O Islamismo; A Democracia.

JESUS CRISTO. Está na base da maior religião do mundo: dois mil milhões de seres humanos reclamam-se da fé nele. Mas, quando se olha para a História, é inevitável a pergunta: não terão os cristãos atraiçoado frequentemente a sua mensagem?
As multidões, dizem os Evangelhos, ficavam fora de si ao escutá-lo. Como se explica então que, após dois anos de vida pública apenas, os poderosos o tenham executado? Que mensagem era a sua para despertar a contradição? De facto, uns acreditaram nele e seguiram-no, outros condenaram-no à morte mais ignominiosa, própria de escravos, na cruz.
A partir dos textos originais, Heiner Geissler vai ao encontro da verdadeira história de Jesus, mostrando as consequências da sua mensagem para os poderes da altura. Com preparação em Filosofia e Teologia, em Direito e Politologia - foi deputado e ministro do Governo Federal da Alemanha -, transporta o Evangelho para a actualidade e confronta a política, a economia, a cultura do nosso tempo com "a mensagem mais bela e revolucionária da História mundial".
O confronto não fica na abstracção, pois desce ao concreto: o que diria Jesus hoje sobre a dignidade humana, os direitos do Homem, o capitalismo, o corpo e o sexo, as mulheres, o anti-semitismo, o islamismo, a guerra no Iraque, o racismo, a lei do celibato, a exploração infantil, a segurança social, o ódio e o terrorismo, a xenofobia, a intolerância, os detentores do poder, os déspotas, a democracia?
Um livro simultaneamente bondoso, polémico e subversivo.
Anselmo Borges

Excertos
"As perversões da política em nome de Deus baseiam-se numa utilização abusiva da mensagem cristã. Hoje, Jesus seria uma alternativa à vida de muitos políticos e proprietários de media, cujo discurso não coincide com a acção. A discriminação das mulheres na política e na Igreja está em contradição com o Evangelho. Só haverá paz quando for reconhecida a dignidade humana de todas as pessoas. Jesus considera insensatas, portanto estúpidas, as pessoas cuja ganância consome os seus cérebros. A proibição da ordenação das mulheres e o celibato obrigatório não têm fundamento evangélico. Jesus atribuiu ao capital a função que ele possui: servir a pessoa humana e não dominá-la. A sexualidade, incluindo o amor físico e espiritual entre um homem e uma mulher, faz parte da vida humana plena."

"As perversões da política em nome de Deus baseiam-se numa utilização abusiva da mensagem cristã. Hoje, Jesus seria uma alternativa à vida de muitos políticos e proprietários de media, cujo discurso não coincide com a acção. A discriminação das mulheres na política e na Igreja está em contradição com o Evangelho. Só haverá paz quando for reconhecida a dignidade humana de todas as pessoas. Jesus considera insensatas, portanto estúpidas, as pessoas cuja ganância consome os seus cérebros. A proibição da ordenação das mulheres e o celibato obrigatório não têm fundamento evangélico. Jesus atribuiu ao capital a função que ele possui: servir a pessoa humana e não dominá-la. A sexualidade, incluindo o amor físico e espiritual entre um homem e uma mulher, faz parte da vida humana plena."

O Que Diria Jesus Hoje?
de Heiner Geissler 
ISBN: 9789724615967 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Casa das Letras Idioma: Português Dimensões: 148 x 226 x 22 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 178 Tipo de Produto: Livro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Literatura  >  Ensaios
Livros  >  Livros em Português  >  Religião e Moral  >  Catolicismo

Sugestões

Homo Deus - História Breve do Amanhã
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
21,98€
Elsinore
Volta a Portugal
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
19,90€
Edições Contraponto
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.