Bertrand.pt - O Presente e o Futuro de Portugal

O Presente e o Futuro de Portugal

de Augusto Fuschini 

Editor: Fronteira do Caos
Edição ou reimpressão: novembro de 2005
12,62€
Esgotado ou não disponível.

Companheiro de Eça de Queiroz, de Ramalho Ortigão e de Antero de Quental em diversas batalhas cívicas e intelectuais, Augusto Fuschini foi um dos Conferencistas do Casino que em 1871 viu proibida a sua palestra por decisão governamental.
Com certeiras e acutilantes pinceladas, Fuschini, escrevendo em 1899, retrata os caracteres principais da sociedade portuguesa do seu tempo - que representam afinal, ainda hoje, as debilidades e os vícios da portugalidade.
O que mais impressiona neste luminoso fresco do final do nosso século XIX é, com efeito, a sua espantosa - e deveras preocupante - actualidade: a imoralidade dos governantes, sempre escudada na impunidade; a resignação fatalista e a subserviência medrosa dos governados; a falta de verdadeiros estadistas, assim como o cinismo e a inépcia dos poderes públicos; a inveja e o egoísmo; a repugnância pelo trabalho, mas também a profunda indiferença pelo pensamento e pela discussão crítica…

Excertos

"A sociedade portuguesa parece um bando de escravos que, indiferentes, inertes e semi-nus, assistem a discussões do preço por que devem ser vendidos, pouco lhes importando ser propriedade deste ou daquele senhor, esperando apenas humildemente que lhes seja garantida a minguada subsistência."
Capítulo Primeiro: Psicologia do povo português no fim do século XIX

"Não nos faltam homens inteligentes e competentes, nem o país está absolutamente desprovido de recursos, para intentar e realizar, em período mais ou menos longo, a própria regeneração económica e financeira. A habilidade e a seriedade na administração, principalmente este último requisito, desenvolvidas em planos simples e meditados, poderiam ainda fazer verdadeiros milagres, criando a ordem moral e material no interior e conquistando a consideração no estrangeiro…"
Capítulo Terceiro: Como se perdem nacionalidades

"A simples transformação do regime político de um país, não correspondendo a profunda reforma nos costumes públicos, nos processos de administração e no organismo económico da respectiva sociedade, é pelo menos um acto inútil, que satisfaz, talvez, as vaidades e as ambições de certos grupos, sem, contudo, corresponder a verdadeiros interesses nacionais. Constitui, sem dúvida, uma substituição de indivíduos; deixando, porém, subsistir em grande parte as causas essenciais da ruína social."
Capítulo Quarto: O que se pode antever no futuro

"Se tudo for inútil, se não tivermos energia para reagir, (…) dissolvendo-nos a pouco e pouco, miseráveis sem vontade, sem pudor e sem princípios, daremos ao mundo o exemplo abjecto e repugnante de um povo abastardado, que não soube defender a própria honra e não merece, porque a não sustenta, a glória dos antepassados."
Capítulo Quarto: O que se pode antever no futuro

O Presente e o Futuro de Portugal
ISBN: 9789729975714 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Fronteira do Caos Idioma: Português Dimensões: 134 x 209 x 20 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 136 Tipo de Produto: Livro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Ciências Sociais e Humanas  >  Sociologia

Sugestões

Introdução à Demografia
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
11,90€
Escolar Editora
Boa Vista
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
28,00€
Livraria Pedro Cardoso
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.