Bertrand.pt - O Novo Direito da Economia de Angola

O Novo Direito da Economia de Angola

Legislação Básica

de Carlos Maria Feijó 

Editor: Edições Almedina
Edição ou reimpressão: abril de 2005
25,24€
20,19€
Esgotado ou não disponível.

O presente livro reúne a legislação económica básica em Angola, produzida no período pós/conflito. Com efeito, o ano de 2002 entra para a História de Angola como o ano da paz e do momento a partir do qual os angolanos, finalmente, puderam pensar na reconstrução e no desenvolvimento do País. O papel do sector privado no desenvolvimento de Angola é, a todos os títulos, decisivo e só este facto seria suficiente e bastante para explicar o novo Direito da Economia de Angola, assente em dois eixos fundamentais: o lugar e o papel do Estado como agente regulador e de fomento, mas não mais do Estado omnipresente, inclusive na economia; O lugar e o papel do sector privado como parceiro tanto da gestão quanto do funcionamento do desenvolvimento económico, social, cultural, científico e tecnológico de Angola. Daí que esta publicação, que inclui tanto textos legislativos como trabalhos preparatórios, contribua para um conhecimento mais aprofundado da realidade jurídico-económica angolana. Se o conseguir, terá decerto atingido os seus propósitos.

PREFÁCIO
A presente publicação, da autoria de Carlos Feijó, reúne a mais recente legislação que integra o novo Direito da Economia de Angola, ao mesmo tempo que apresenta alguns dos trabalhos preparatórios que foram efectuados no âmbito das diversas reformas legislativas empreendidas.
Creio que fica bem patente a importância da edição deste livro no momento que Angola atravessa, saindo de uma guerra civil de muitos anos e entrando na definitiva modernização das suas estruturas produtivas: mostrar um conjunto de novas orientações e regras que favorecem, no plano jurídico, as mais diversas iniciativas de desenvolvimento económico e social.
Obviamente que o progresso de Angola não pode ser magicamente decretado pelas respectivas autoridades, antes vai resultar - já está a resultar - do esforço de todos os angolanos e de todos aqueles que, do exterior, se empenhem em projectos de investimento.
Mas também não é menos certo que sem uma apropriada legislação que permita o investimento estrangeiro - e, em geral, a reanimação da actividade empresarial - aquele desiderato se transforma num frustrante trabalho de Sísifo, sempre a começar e a recomeçar.
A consulta dos elementos que esta compilação proporciona ao leitor possibilita ainda que se consiga obter um panorama completo acerca da legislação que se considera pertinente, simultaneamente que se evidencia o cuidado dessa reforma legislativa global, feita não segundo o capricho de algumas vontades individuais, mas em função de estudos comparados do mais alto nível.
Oxalá os angolanos e os não angolanos possam ser despertados pelos inúmeros estímulos ao investimento e à actividade económica que esta colectânea de legislação referencia, assim ela também contribuindo para a consolidação do progresso e do desenvolvimento, neste período em que se vive um verdadeiro e singular "renascimento angolano".
Lisboa, 5 de Outubro de 2004
Jorge Bacelar Gouveia

ÍNDICE
PREFÁCIO
INTRODUÇÃO
PARTE I - TRABALHOS PREPARATÓRIOS

CAPÍTULO I - BASES GERAIS PARA A ELABORAÇÃO DA LEGISLAÇÃO SOBRE O INVESTIMENTO PRIVADO EM ANGOLA
Introdução
I Bloco - Área Substantiva
II Bloco - Área Procedimental
III Bloco - Garantias e Incentivos
IV Bloco - Cidadania Económica e Linhas Gerais do Fomento do Empresariado Nacional
V Bloco - Resolução de Conflitos
VI Bloco - Legislação Conexa a Aprovar

CAPÍTULO II - ESTUDO COMPARADO SOBRE O SISTEMA LEGAL DO INVESTIMENTO PRIVADO
Índice
I - Introdução
II - Estudo comparado da legislação de Angola com a SADC
III - Estudo Comparado da Legislação de alguns países
IV- Conclusões e Recomendações
V - Anexos: Quadro Comparativo

PARTE II - LEGISLAÇÃO BÁSICA DO DIREITO DA ECONOMIA DE ANGOLA

CAPÍTULO I - PAPEL E INTERVENÇÃO DO ESTADO NA ECONOMIA
- LEI N.º 10/94, de 31 de Agosto - Lei das Privatizações
- LEI N.º 8/03, de 18 de Abril - Lei de Alteração à Lei das Privatizações
- LEI N.º 5/02, de 16 de Abril - Lei de Delimitação de Sectores da Actividade Económica
- LEI N.º 11/03, de 13 de Maio - Lei de Bases do Investimento Privado
- LEI N.º 14/03, de 18 de Julho - Lei do Fomento do Empresariado Privado Angolano
- LEI N.º 17/03, de 25 de Julho - Lei Sobre os Incentivos Fiscais e Aduaneiros ao Investimento Privado
- LEI N.º 13/03, de 10 de Junho - Lei Derrogatória da Lei n.º 6/99, de 3 de Setembro - Lei das Infracções Contra a Economia
- DECRETO N.º 44/03, de 4 de Julho
- DECRETO N.º 48/03, de 8 de Julho
- DECRETO N.º 123/03, de 23 de Dezembro

CAPÍTULO II - ORGANIZAÇÃO EMPRESARIAL E COMERCIAL
- LEI N.º 18/03, de 12 de Agosto - Lei Sobre os Contratos de Distribuição, Agência, Franchising e Concessão Comercial
- LEI N.º 19/03, de 12 de Agosto - Lei Sobre os Contratos de Conta em Participação, Consórcios e Agrupamento de Empresas
- LEI N.º 4/02, de 18 de Fevereiro - Lei Sobre as Cláusulas Gerais dos Contratos
- LEI N.º 1/04, de 13 de Fevereiro - Lei das Sociedades Comerciais
- DECRETO N.º 47/03, de 8 de Julho

CAPÍTULO III - RESOLUÇÃO EXTRA-JUDICIAL DE LITÍGIOS
- LEI N.º 16/03, de 25 de Julho - Lei Sobre a Arbitragem Voluntária

O Novo Direito da Economia de Angola
Legislação Básica
ISBN: 9789724023731 Ano de edição ou reimpressão: Editor: Edições Almedina Idioma: Português Dimensões: 160 x 230 x 20 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 566 Tipo de Produto: Livro Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Direito  >  Direito Internacional

Sugestões

O Sistema Africano de Direitos Humanos
20%
portes grátis
17,50€ 14,00€
Universidade Católica Editora
Direito Internacional Público
20%
portes grátis
12,90€ 10,32€
Porto Editora
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.