Bertrand.pt - Cérebro Direito, Cérebro Esquerdo

Cérebro Direito, Cérebro Esquerdo

Culturas e Civilizações

de Lucien Israel 

Editor: Instituto Piaget
Edição ou reimpressão: abril de 1998
Portes
Grátis
10%
18,85€
Poupe 1,89€ (10%) Cartão Leitor Bertrand
Em stock - Envio 24H
portes grátis

«... Que sabemos de nós próprios, hoje? Muito pouco ainda. Todavia, é claro que o cérebro direito é um cérebro activo. Uma metade da nossa relação com o mundo foi, até agora, negligenciada pela maior parte dos intelectuais do Ocidente, ou, em todo o caso, mal apreciada. É possível dizer que a compreensão de toda a vida intelectual, social e cultural será modificada (pelas descobertas que irão realizar-se neste domínio) [...] Entre nós e os outros primatas não existem apenas degraus, mas sim um inultrapassável abismo...» [...]
«O Ocidente (ou seja, a Grécia, Descartes, a Renascença, o mecanicismo e os computadores, tudo o que designamos por racionalidade) escolheu dar prioridade ao hemisfério esquerdo. O Japão e a Índia fizeram, muito provavelmente, uma outra escolha. É, sem dúvida, o hemisfério direito que explica a meditação, o Zen, a busca de uma extrema concentração da mente, as atitudes (para nós estranhas) perante a morte, os modos de relacionamento entre as pessoas [...] O cérebro humano observa o próprio cérebro humano...»
Georges Suffert, Le Figaro, Março, 1995

«... Que os progressos do conheciemnto do cérebro humano anunciam uma grande revolução é, hoje, uma opinião largamente partilhada. Que a chave central desta revolução passa pelo estudo da assimetria desse cérebro é, contudo, uma ideia menos expandida.
O professor Lucien Israël encontrou, nas especificidades de cada um dos nossos cérebros, direito e esquerdo, revelações e segredos suficientemente fortes para o levarem a abandonar, durante um bom período de tempo, a sua especialidade - a cancerologia - para se dedicar a uma reflexão que ultrapassa, largamente, a medicina e a biologia, e se expande para a pedagogia, a estética, o ordenamento do território ou a política [...]
A exploração das civilizações e das culturas, em busca dos respectivos lugares dos cérebros direito ee squerdo no Ocidente como no Oriente, levou o professor Israël a empurrar cada um deles, do anónimo para o político, do médico para o artista, a ter em conta esta conformação em dois cérebros cujos laços são ainda bastante misteriosos.
O autor é, também, conduzido a propor soluções, favorecendo o equilíbrio, rompido em proveito do cérebro esquerdo do Ocidente, apoiadas por convicções bem delineadas, sobre a educação das crianças como a arquitectura, a violência e o respeito pelo ambiente.
Se as suas "prescrições" não são sempre seguidas, como o autor pretende, não será por razões ideológicas; ele apenas pretende chamar a atenção dos seus leitores, para estes dois cérebros, e incitá-los à reflexão sobre um assunto apaixonante.»

Outros livros da coleção

Psicologia's Saber & Intervir
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
27,00€
Instituto Piaget
Diálogo Sobre a Natureza Humana
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
8,40€
Instituto Piaget
Cérebro Direito, Cérebro Esquerdo
Culturas e Civilizações
ISBN: 9789727710584 Ano de edição ou reimpressão: 04-1998 Editor: Instituto Piaget Idioma: Português Dimensões: 158 x 231 x 20 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 292 Tipo de Produto: Livro Coleção: Epigénese, Desenvolvimento e Psicologia Classificação Temática: Livros  >  Livros em Português  >  Ciências Sociais e Humanas  >  Psicologia

Sugestões

O Homem em Busca de um Sentido
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
14,50€
Lua de Papel
Neuromitos
10%
portes grátis
10% Cartão Leitor Bertrand
15,50€
Contraponto Editores
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.