Silêncio Para 4 - Ruben A.
Edição/reimpressão:
1990
Páginas:
208
Editor:
Assírio & Alvim
ISBN:
978-972-37-0247-7
Idioma:
Português
10%
€10,50
Ganhe €1,05
Em stock - Envio imediato
 

Sinopse

Numa tarde invernosa, Ana, sentindo que em cinco anos não conseguiu abrir uma frecha por onde pudesse entrar a paixão, decide deixar-lhe as chaves e ir-se embora. Contrariamente à sua amante, para quem o acto de amar representa uma entrega total, sagrada e secreta, ele acredita na liberdade do amor, liberdade que o impossibilita de escolher por ela e de lhe pedir que não parta, limitando-se a explicar-lhe que "o amanhã no amor sem amanhã" se resume a tristeza e vácuo.
Permanecem na cama, abraçando-se e falando sobre amores passados, ancorados para a eternidade, inolvidáveis. Ana apercebe-se que nutre por ele a paixão que ele sentiu por outra, e que o impede agora de a amar. Ele relembra-lhe a paixão não correspondida que outro teve por ela.
Silêncio para 4 assemelha-se a uma peça de teatro em um único acto, onde se caracteriza um amor de desencontros e ausências, no qual planos adiados são substituídos por descrições imaginárias de passeios na altura da Primavera ("Se fôssemos todos os dias à praia, era terrível, melhor alimentar a imaginação aqui na cama, é precisa muita imaginação para viver aqui estes anos todos, assim gostando um do outro").
Em vez de presentear Ana com "um dia fora do mundo", ele fá-la deitar-se enquanto escreve a história da imaginação de quatro pessoas que gostam umas das outras por fantasia, "fazendo amor, falando de amor, trocando amor, conversando de amor, falando de nada". De quatro pessoas vivendo em silêncio por dependerem de palavras, "palavras que não servem para saxofone palavras que evitam o amor que nunca fazem amor o amor é silêncio intimidade a palavra estraga rompe o amor não deixa o homem entrar na mulher palavras que ficam estampadas na roupa a secar pendurada em todos os bairros altos do mundo".
Silêncio para 4 foi publicado pela primeira vez em 1973, pela Moraes Editores, no Círculo de Prosa.
Silêncio Para 4 de Ruben A.

comentários

Coloque aqui o seu comentário - Silêncio Para 4
Nome:
Título do comentário
Comentário
 
 
 
 
 
* campos de preenchimento obrigatório
 

Autor


Ficcionista e ensaísta português, Ruben Alfredo Andresen Leitão nasceu a 26 de maio de 1920, em Lisboa, e morreu a 26 de setembro de 1975, em Londres. Formado em Ciências Histórico-Filosóficas pela Universidade de Coimbra, foi docente na área da Língua e Cultura Portuguesas naUniversidade de Londres (1947-1952), tendo sido convidado para desenvolver atividade docente na Universidade de Oxford alguns meses antes da sua morte.
Entre 1954 e 1972, foi funcionário da Embaixada do Brasil em Lisboa. Estudioso de D. Pedro V, tendo procedido à edição dedocumentos de governação e correspondência inédita do monarca, foi ainda autor de vários verbetes no Dicionário de História de Portugal , dirigido por Joel Serrão. Integrou, em 1972, o Conselho de Administração da Imprensa Nacional-Casa da Moeda, no domínio da qual foi responsável poruma importante atividade de (...)

Bibliografia

2010
Assírio & Alvim
2007
Assírio & Alvim
2005
Assírio & Alvim
2003
Assírio & Alvim
2001
Assírio & Alvim
2000
Assírio & Alvim
2000
Assírio & Alvim

Características

Silêncio Para 4 de Ruben A.

Ano de edição ou reimpressão: 1990

Editor: Assírio & Alvim

Idioma: Português

Dimensões: 135 x 210 x 12 mm

Encadernação: Capa mole

Páginas: 208

Coleção: Obras Completas de Ruben A.


Tipo de Produto: Livro

Classificação Temática:

Livros em Português
Literatura > Romance


Silêncio Para 4
 

Do mesmo autor

Ruben A. 
Ruben A. 

Veja outros titulos do tema

Afonso Noite-Luar 
Lesley Pearse 
Preços, descontos e ofertas válidos apenas online
|   Condições gerais de venda   |   Compras 100% seguras   |   Política de Privacidade   |   Ajuda    |   Recrutamento   |
©2013 Grupo Bertrand Círculo. Todos os direitos reservados, Lisboa, Portugal