Os Rios Profundos - José Maria Arguedas
Edição/reimpressão:
1992
Páginas:
288
Editor:
Assírio & Alvim
ISBN:
978-972-37-0293-4
Coleção:
Idioma:
Português
10%
€15,00
Ganhe €1,5
Em stock - Envio imediato
 

Sinopse

A obra de Arguedas reflecte as experiências da sua vida vincada pelo contacto, durante a infância, com os índios quíchuas. O estilo é vigoroso, mantendo sempre uma grande tensão lírica e recorrendo a inúmeros termos ameríndios, assimilando-se assim a cadência e o encantamento da oralidade. Como escreveu Joaquim Montezuma de Carvalho, "O Peru teve a sorte de ter um escritor com língua própria, José María Arguedas. Um escritor muito especial e que só as circunstâncias do seu passado e do seu temperamento nos iluminam e esclarecem". Os Rios Profundos juntamente com Todos os Sangues são as suas obras principais. Segundo Saúl Yurkievich, "Arguedas demorou mais de dez anos para terminar Os Rios Profundos. (...) A sua obra completa não é abundante mas toda ela se integra numa só órbita e constitui um avanço contínuo para a expressão cada vez mais essencial e mais artística da sua própria infância como acesso à alma do seu povo".

Os Rios Profundos de José Maria Arguedas

comentários

Coloque aqui o seu comentário - Os Rios Profundos
Nome:
Título do comentário
Comentário
 
 
 
 
 
* campos de preenchimento obrigatório
 

Autor


José María Arguedas é peruano, tendo nascido em Andahuaylas, no ano de 1911. Tinha três anos quando morre a sua mãe. Acompanha então o pai, advogado e juiz, em constantes viagens pelo interior do Peru, em parte devido a fugas motivadas por perseguições políticas.
O pai casa novamente e entra na história a madrasta má. "Yo soy hechura de mi madrasta." A madrasta odeia-o e por castigo manda-o habitualmente comer e dormir com os índios na cozinha. Conclui mais tarde José María Arguedas: "Nunca poderei agradecer suficientemente à minha madrasta tal castigo, pois foi nessa cozinha que conheci os índios, onde comecei a amá-los". Os maus tratos levam José María Arguedas a refugiar-se num povoado de índios de Utec. Na verdade, até aos dez anos aprende a expressar-se apenas na língua quíchua. Em 1926 foi internado num colégio que abandona no ano seguinte. Em 1931 (...)

Características

Os Rios Profundos de José Maria Arguedas

Ano de edição ou reimpressão: 1992

Editor: Assírio & Alvim

Idioma: Português

Dimensões: 136 x 211 x 19 mm

Encadernação: Capa mole

Páginas: 288

Coleção: O Imaginário


Tipo de Produto: Livro

Classificação Temática:

Livros em Português
Literatura > Romance


Os Rios Profundos
 

Do mesmo autor

José Maria Arguedas 
José Maria Arguedas 
José Maria Arguedas 

Veja outros titulos do tema

Afonso Noite-Luar 
Lesley Pearse 
Preços, descontos e ofertas válidos apenas online
|   Condições gerais de venda   |   Compras 100% seguras   |   Política de Privacidade   |   Ajuda    |   Recrutamento   |
©2013 Grupo Bertrand Círculo. Todos os direitos reservados, Lisboa, Portugal