O Labirinto do Mundo III - Marguerite Yourcenar
O Quê? A Eternidade
Edição/reimpressão:
1991
Páginas:
240
Editor:
Difel
ISBN:
9789722900485
Idioma:
Português
10%
€14,64
Ganhe €1,46
Esgotado ou não disponível
 

Sinopse

Trilogia autobiográfica, em que a autora começa pela narração de um nascimento: o seu.
A partir desse ponto, Yourcenar interroga-se: de onde vem?; quem foi a sua mãe, tão cedo desaparecida?; e o pai?
A autora dá a conhecer o modo como se construiu o seu universo interior, o seu mundo afectivo, como se teceu a ideia das suas relações familiares. Fala do papel desempenhado por seu pai na sua formação. Fala das viagens que fez e dos contactos que estabeleceu com os livros, com os monumentos e com as cidades.
A narrativa é acompanhada passo a passo por comentários que iluminam fragmentos da globalidade da vida.
Depois de Memórias e Arquivos do Norte, eis O Quê? A Eternidade, o terceiro volume da história familiar que Marguerite Yourcenar intitula O Labirinto do Mundo. O primeiro dedicado à sua família materna e a sua mãe, o segundo à sua família paterna e a seu pai. Neste último volume, a própria Marguerite, criança e adolescente, começa a aparecer, mas o eixo da narrativa é ainda novamente a personagem do seu pai: ele e sua mãe, a insuportável castelã do Montenegro, ele e os seus amores, legítimos ou não, as suas silenciosas generosidades, as suas amizades, a sua elegância, a sua negligência, a sua infatigável e inteligente solicitude passam pelo filtro de um amor profundo.
Marguerite, que fala tão pouco de si, dedica-se inteiramente a pintar o retrato desse homem que foge a qualquer sinal de casta e cuja nobreza não tem afectação nem falhas.
Ela amou ao mesmo tempo Jeanne, que foi amiga da sua mãe desaparecida e conheceu Egon, o inquietante marido de Jeanne. Egon será o modelo de Alexis, pois encontra-se também neste livro a chave, a razão de outros livros. É repleto de paixões, de perguntas sem respostas, de desastres privados e públicos. Um caos total de onde Marguerite Yourcenar recreou o seu próprio universo.
Esta é a última cartografia, onde se distinguem em filigrana os corredores do labirinto onde todas as sombras são vivas.
O Labirinto do Mundo III de Marguerite Yourcenar

comentários

Coloque aqui o seu comentário - O Labirinto do Mundo III
Nome:
Título do comentário
Comentário
 
 
 
 
 
* campos de preenchimento obrigatório
 

Autor


Pseudónimo da escritora francesa Marguerite de Crayencour (1903-1987), nascida em Bruxelas e que veio a naturalizar-se americana. As suas Mémoires d'Hadrien (Memórias de Adriano,1952) tornaram-na internacionalmente conhecida. Este sucesso seria confirmado com L'Öuvre au Noir (A Obra ao Negro, 1968), uma biografia imaginária de um herói do século XVI atraído pelo hermetismo e a ciência. Publicou ainda poemas, ensaios (Sous bénéfice d'inventaire, 1978) e memórias (Archives du Nord, 1977), manifestando uma atracção pela Grécia e pelo misticismo oriental patente em trabalhos como Mishima ou la vision du vide (1981) e Comme l'eau qui coule (1982). Foi a primeira mulher de Letras a ser eleita para a Academia (...)

Bibliografia

2017
EDITIONS DE L'OEIL
2017
FATA MORGANA
2016
DEBOLSILLO
2016
DEBOLSILLO
2016
DEBOLSILLO
2016
FATA MORGANA
2014
GALLIMARD-JEUNESSE

Características

O Labirinto do Mundo III de Marguerite Yourcenar

Ano de edição ou reimpressão: 1991

Editor: Difel

Idioma: Português

Dimensões: 150 x 230 x 20 mm

Encadernação: Capa mole

Páginas: 240

Coleção: Literatura Estrangeira


Tipo de Produto: Livro

Classificação Temática:

Livros em Português
Literatura > Romance


O Labirinto do Mundo III
 

Do mesmo autor

Marguerite Yourcenar 
Marguerite Yourcenar 
Marguerite Yourcenar 

Veja outros titulos do tema

Afonso Noite-Luar 
Lesley Pearse 
Preços, descontos e ofertas válidos apenas online
|   Condições gerais de venda   |   Compras 100% seguras   |   Política de Privacidade   |   Ajuda    |   Recrutamento   |
©2013 Grupo Bertrand Círculo. Todos os direitos reservados, Lisboa, Portugal