Multiculturalismo - Charles Taylor
Examinando a política de reconhecimento
Edição/reimpressão:
1998
Páginas:
194
Editor:
Instituto Piaget
ISBN:
9789727710164
Idioma:
Português
10%
€12,56
Ganhe €1,26
Em stock - Envio imediato
 

Sinopse

«Esta nova edição de um livro famoso combina filosofia e ciência social para examinar os conceitos multiculturais circundantes da política.»

Multiculturalismo de Charles Taylor
Críticas de imprensa

A nossa identidade, diz Taylor, é construída a partir do reconhecimento dos outros. O não reconhecimento ou o reconhecimento não adequado pode ser uma ofensa ou uma injustiça [...] Nos tempos pré-modernos, o reconhecimento não constituía um problema, uma vez que estava construído sobre uma hierarquia de desempenhos sociais. Contudo, no século XVIII, duas coisas sucederam: a dignidade substituiu a hierarquia e a identidade pessoal passou a ser encarada como vinda de dentro. A identidade era, agora, algo que cada pessoa tinha de alcançar sendo verdadeiro para com o seu «autêntico» ser. Mas a identidade, mesmo quando vinda de dentro, requer a confirmação pelos outros, sendo que a compreensão própria, de acordo com Taylor, é «dialógica» e não «monológica». O «multicultural» luta pelas minorias e outros grupos, tal como certas formas de feminismo, procurando o reconhecimento dos membros destes grupos que necessitam estabelecer uma forte identidade.A política do reconhecimento igual, afirma Taylor, surgiu com dois significados diferentes: Por um lado, o reconhecimento igual é assegurado «por um idêntico cabaz de direitos e imunidades» para todos, assente nas universais características humanas e na cegueira para as diferenças utilizadas com fins discriminatórios. Por outro lado, o reconhecimento igual requer direitos e autorizações especiais para grupos aviltados ou cuja cultura se encontra limitada. Para esta «política de diferença» a diferença cega equivale a negligenciar e fazer desaparecer gente «diferente». Estes dois pontos de vista, diz Taylor, têm raízes na dignidade igual. «A apresentação de Taylor, de um multiculturalismo liberal, é uma contribuição original e importante para o debate actual. Os outros colaboradores desta obra, por sua vez, levantam questões interessantes ligadas ao argumento de Taylor. Estes ensaios... elevam o debate a um novo nível...».
Lawrence Blum, Boston Review

comentários

Coloque aqui o seu comentário - Multiculturalismo
Nome:
Título do comentário
Comentário
 
 
 
 
 
* campos de preenchimento obrigatório
 

Autor


Charles Taylor é actualmente professor de Filosofia e Ciência Política na Universidade McGill. É autor de vários artigos e livros sobre a filosofia da mente, psicologia e política. Recentemente, foi nomeado membro do Conselho da Língua Francesa do Quebeque, de onde é

(...)
A Guide To The Region'S Finest Wine Producers
The Shadow Cinema Of The American '70s
The Full Shape Of The Human Linguistic Capacity

Bibliografia

2017
Kyle Books
2016
Harvard University Press
2015
CAMBRIDGE UNIVERSITY PRESS
2015
CAMBRIDGE UNIVERSITY PRESS

Características

Multiculturalismo de Charles Taylor

Ano de edição ou reimpressão: 1998

Editor: Instituto Piaget

Idioma: Português

Dimensões: 159 x 233 x 21 mm

Encadernação: Capa mole

Páginas: 194

Coleção: Epistemologia e Sociedade


Tipo de Produto: Livro

Classificação Temática:

Livros em Português
Ciências Sociais e Humanas > Sociologia


Multiculturalismo
 

Do mesmo autor

A Guide To The Region'S Finest Wine Producers
Charles Taylor 
The Shadow Cinema Of The American '70s
Charles Taylor 
Charles Taylor 

Veja outros titulos do tema

Para um debate de Cidadãos
Miguel Oliveira da Silva 
David Pascoal Rosado 
Um retrocesso evitável
Manuel Carvalho da Silva 
Preços, descontos e ofertas válidos apenas online
|   Condições gerais de venda   |   Compras 100% seguras   |   Política de Privacidade   |   Ajuda    |   Recrutamento   |
©2013 Grupo Bertrand Círculo. Todos os direitos reservados, Lisboa, Portugal