"O Século dos Prodígios" vence Prémio História da Presença de Portugal no Mundo

Por: Bertrand Livreiros a 2018-11-09

Onésimo Teotónio Almeida

Onésimo Teotónio Almeida

Estudou no Seminário de Angra do Heroísmo, bacharelou-se na Universidade Católica de Lisboa. Desde 1972 nos Estados Unidos, fez mestrado e doutoramento em Filosofia na Brown University, onde é catedrático no Departamento de Estudos Portugueses e Brasileiros (foi seu diretor durante doze anos), no Wayland Collegium for Liberal Learning Renaissance and Early Modern Studies da mesma universidade, lecionando cursos interdisciplinares sobre valores e história cultural e das ideias.
Além de vários livros de ensaios, tem centenas de artigos dispersos que ultimamente tem reunido em volumes temáticos: De Marx a Darwin – a desconfiança das ideologias (2009, Prémio Seeds of Science 2010 para Ciências Sociais e Humanidades), O Peso do Hífen. Ensaios sobre a experiência luso-americana (2010) e Pessoa, Portugal e o Futuro (2014). Publicou ainda Utopias em Dói Menor – Conversas transatlânticas com Onésimo, conduzidas por João Maurício Brás (Gradiva, 2012).
No género de crónica e conto, as suas mais recentes coletâneas são Quando os Bobos Uivam (Clube do Autor, 2013), Aventuras de um Nabogador – Estórias em Sanduíche (Bertrand, 2007) e Livro-me do Desassossego (Temas e Debates, 2006). Onésimo. Português Sem Filtro (Clube do Autor, 2011) é uma antologia de cinco livros esgotados.
Colaborador permanente do Jornal de Letras, é membro da Academia Internacional de Cultura Portuguesa e da Academia da Marinha e Doutor Honoris Causa pela Universidade de Aveiro.

VER +

10%

O Século dos Prodígios
18,80€
10% CARTÃO LEITOR BERTRAND
PORTES GRÁTIS

O livro O Século dos Prodígios – A Ciência no Portugal da Expansão, de Onésimo Teotónio Almeida, foi o vencedor do Prémio Fundação Calouste Gulbenkian, História da Presença de Portugal no Mundo, anunciado ontem. A cerimónia de entrega do prémio ocorrerá a 5 de dezembro, pelas 15 horas, nas instalações da APH, em Lisboa.

Instituído na APH, sob o patrocínio da Fundação Calouste Gulbenkian, este é um prémio que visa galardoar obras históricas de reconhecido mérito. Uma honrosa distinção que surge um dia antes da sessão de lançamento do livro, agendada para hoje, 9 de novembro, às 18:30, na livraria Bertrand Picoas Plaza, em Lisboa. Com apresentação de Francisco Contente Domingues.

 

 

Num momento em que se discute a importância e a natureza dos Descobrimentos, Onésimo Teotónio Almeida lembra o carácter pioneiro da ciência portuguesa desse período – o nosso século XVI foi, verdadeiramente, um século de prodígios, cheio de inovação, de curiosidades e de especulação. Em O Século dos Prodígios, o autor presta especial atenção aos séculos XV e XVI, afastando-se tanto da perspetiva nacionalista (na qual incorrem com frequência os historiadores portugueses), como da indiferença que geralmente marca a historiografia anglo-saxónica – ao ignorar o papel que Portugal teve na história da ciência e do conhecimento. Este livro é uma revisitação desses anos de ouro da história portuguesa e a revelação de como, durante o «período da Expansão», surgiu e cresceu um núcleo duro de pensamento e trabalho científico pioneiros, que tornou possíveis as viagens desses séculos – e dos posteriores.

X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.