Índice:     A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  Ö  
Serge Daney

Serge Daney nasceu em Paris em 1944 e foi um dos grandes críticos de cinema da segunda metade do século XX. A sua cinefilia começa com Nuit et Brouillard de Resnais, visto no liceu, e com "De l'abjection", artigo de Rivette nos Cahiers du cinéma. Daney não deixou de voltar a estes dois marcos estéticos e morais, inseparáveis da tragédia do século. Começou a escrever regularmente para os Cahiers em 1964, no final do "período amarelo" da revista.

A partir de 1968 viaja: Índia, África, Marrocos... Enigma e promessa, o mapa – como o cinema – é o mundo. Em 1973 torna-se director dos Cahiers, refundando a revista depois do seu militante "período vermelho". Em 1979 passa a dirigir a secção de cinema do jornal Libération, dedicando-se primeiro ao cinema "puro e duro", depois aos filmes revistos na televisão, finalmente à análise das trocas de bons e maus procedimentos entre cinema e televisão, bem como às questões da informação e da desinformação.

As reflexões sobre a imagem e o audiovisual ocupam as suas últimas crónicas no jornal. Em 1991 funda a revista Trafic, onde se trata de retornar a um cinema que deixou, entretanto, de estar só. Serge Daney morreu de sida a 12 de Junho de 1992.
Livros
10%
de Serge Daney  
€46,99
Ganhe €4,7
10%
de Serge Daney  
€30,99
Ganhe €3,1
10%
€68,07
Ganhe €6,81
10%
€21,33
Ganhe €2,13

Bibliografia

BLOOMSBURY PUBLISHING PLC
CAHIERS DU CINEMA
CAHIERS DU CINEMA
CAHIERS DU CINEMA
Preços, descontos e ofertas válidos apenas online
|   Condições gerais de venda   |   Compras 100% seguras   |   Política de Privacidade   |   Ajuda    |   Recrutamento   |
©2013 Grupo Bertrand Círculo. Todos os direitos reservados, Lisboa, Portugal