Vergílio Alberto Ferreira

Vergílio Alberto Ferreira

Biografia

Poeta, ficcionista, autor de livros para a infância, Vergílio Alberto Vieira (1950, Amares, Braga) cursou Letras na Universidade do Porto, vindo a exercer atividades docentes em Lisboa de 1993 a 2009.
Encontra-se representado nas publicações: Antologia do conto português contemporâneo (1984, Icalp, Lisboa), Micromegas (1986, Yowa), La poèsie des palmipèdes (1987, Paris), Poesia ibérica: generación de la democracia (l99l, Madrid), Tarde tranquila, casi (l994, Roma); Identidades/ antologia literária de língua portuguesa (l996, Coimbra); Relatos portugueses de viagem/ A imagem de Marrocos (1998, Universidade Dhar el Mahraz, Fes), Vozes poéticas da lusofonia (1999, Instituto Camões, Lisboa); Antologia da poesia portuguesa contemporânea (1999, Rio de Janeiro), Antologia da ficção portuguesa contemporânea (2000, Budapest), Contos da cidade das pontes/ Cuentos de la ciudad de los luentes/ Short stories of the city of bridges (2001, Porto), Antologia del cuento portugués del Siglo XX (2001, México); Histórias em língua portuguesa (2007, Porto), Hotel ver mar/ Antologia poética da lusofonia, org. de Michael Kegler para língua alemã, (2009, Frankfurt), O primeiro dia/ A mãe na poesia portuguesa (2012, Porto), La alquimia de la tierra (2013, Huelva); Verso a verso (2013, Bogotá), O mar da Foz/ homenagem a Vasco Graça Moura (2014, Porto); Escrito na cal/ Armando Alves (2014, Porto); Vinte poemas para Ângelo de Sousa (2014, Porto), entre outras.
Entre 1975 e 2000, assinou crítica de livros na revista África, Jornal de Notícias (Porto) e semanário Expresso (Lisboa), reunida nos volumes: Os consentimentos do mundo (1993), A sétima face do dado (2000), O momento da rosa/ Reflexões sobre literatura infantil e juvenil (2012) e As batalhas fingidas (2013).
Encontra-se editado em Espanha, Bulgária, Egipto, Moçambique e Brasil.
Nos últimos anos, editou/ reeditou: A Biblioteca de Alexandria/ narrativa (2001), Chão de víboras/ narrativa (2ª edição, 2003), Crescente branco/ poesia (2004), Pára-me de repente/ teatro (2005), Papéis de fumar/ Obra poética/ pref. Ivan Junqueira (2006), O navio de fogo/ narrativa (2ª edição, 2009), Minhas cartas nunca escritas/ narrativa (2012), Amante de um só dia/ poesia (2012), Ardente a cegueira/ poesia (2014), O ilusório ponto do geómetra (2014), Oratória do vento/ Lenda de Santa Maria Egipcíaca/ teatro (2015), Minha mulher a solidão/ 2003-2013, diário (2015).
Integrou Direções da APE, Pen Clube, IBBY e da Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto.
Cofundador da revista Delphica/ Letras & Artes.
partilhar
Nunca Direi Quem Sou
20%
portes grátis
11,00€ 8,80€
Companhia das Ilhas
O Rio que vem Depois
20%
portes grátis
7,50€ 6,00€
Companhia das Ilhas
Monangola
20%
portes grátis
14,00€ 11,20€
Lumiar
X
O QUE É O CHECKOUT EXPRESSO?


O ‘Checkout Expresso’ utiliza os seus dados habituais (morada e/ou forma de envio, meio de pagamento e dados de faturação) para que a sua compra seja muito mais rápida. Assim, não tem de os indicar de cada vez que fizer uma compra. Em qualquer altura, pode atualizar estes dados na sua ‘Área de Cliente’.

Para que lhe sobre mais tempo para as suas leituras.